Secretaria de segurança pública recebe Desembargadores e Juízes do TJ-MA em prol de parceria compartilhada

Por Mauro Wagner – Ascom SSP

Ratificando a cooperação entre os poderes do Executivo e Judiciário, a Secretária de Segurança Pública recebeu na manhã desta terça-feira (11), a Comissão Permanente de Segurança Institucional do Tribunal de Justiça do Maranhão. Na pauta foi abordado pontos estratégicos no sentido de permanecer e consolidar a segurança da sociedade. Pontos como o porte de arma e o quantitativo apreendido das mesmas; a inclusão dos novos policiais inseridos no último concurso público foi destacada no encontro. Presentes na reunião, o Secretário de Segurança Pública Jefferson Portela, o Secretário Adjunto Saulo de Tarso, o Delegado Geral Lawrence Melo e o superintendente do interior Dicival Gonçalves, os quais receberam o Desembargador Raimundo José Barros de Sousa(Presidente da comissão permanente de segurança institucional do TJ-MA), o Dr. Júlio Prazeres(Juiz auxiliar da presidência do TJ-MA), Dr. José Américo Abreu (Juiz auxiliar da corregedoria geral da Justiça), o Major Alexandre Magno Nunes (diretor de segurança institucional do TJ-MA) e ainda o Major Alysson Diniz (chefe do gabinete militar do TJ-MA).

O desembargador Raimundo José Barros de Sousa repassou que a visita à SSP, sobretudo para tratar sobre a segurança institucional relacionado ao Tribunal de Justiça e ao Tribuna Eleitoral. Há dois convénios relativos à mão de obra da secretaria de segurança pública para a segurança nos fóruns. Viemos tratar também na questão de armamentos para treinamentos para os policiais que trabalham nos fóruns e para os juízes. Viemos ainda tratar de algumas investigações que estão em andamento relacionado a segurança de magistrados. Na oportunidade, também viemos ouvir os pleitos da secretaria de segurança pública. Alguns processos que estão em transmitação no Judiciário, os quais precisam serem agilizados, dentro desse trabalho de cooperação, que visa no combate à criminalidade e uma segurança pública maior para todos”, ponderou.

O secretário de segurança pública Jefferson Portela salientou que “Nesta reunião estamos tratando sobre um convênio geral para um crescimento do apoio em relação à segurança pública em sentido amplo, tanto a secretaria de segurança pública apoia o Tribunal de Justiça, como vice-versa. É uma parceria importante para fazer uma parceria compartilhada nas ações de segurança e de Justiça. Tratamos de vários assuntos, entre eles, custódia de armas, pagamento e jornada especial para policiais que assim o quiserem. Abrimos caminho para estabelecer o diálogo para qualquer problema que venha se apresentar. A ação integrada entre, o Tribunal de Justiça, Poder Judiciário, Ministério Público e o Sistema de Segurança para qualquer problema futuro. Ficando assim, todos os poderes de prontidão para qualquer problema futuro. Numa situação de urgência, a ação será integrada, compartilhada entre os órgãos que se fazem presente aqui nesta reunião”, finalizou o secretário.