O 1º Batalhão no Comando do Tenente Coronel Edvaldo

 
O Tenente Coronel QOPM Edvaldo Mesquita dos Santos completa nesse mês de setembro 3 meses no comandando do 1º Batalhão. O referido Oficial ingressou na Polícia Militar do Maranhão no ano de 1986, completando em 2016 trinta anos de efetivo serviço. Ao longo da sua carreira ele construiu um currículo com vasto conhecimento na área de Segurança Pública, dentre os quais destacamos: Curso   de   Formação   de   Oficiais,   realizado   na   Academia   de   Polícia Militar do Rio de Janeiro, em 03 de março de 1991; Curso de Tiro Policial Militar, realizado no CFAP, em 1998; Curso   de   Levantamento   Pericial   em   Local   de   Acidente   de   Trânsito,realizado na Escola de Governo do Estado do Maranhão, em 2000; Negociação e Gerenciamento de Crise, realizado na Academia de Polícia Civil do Piauí, em 2001; Direitos Humanos e Direito Humanos Internacionais, realizado no Quartel do Comando Geral da PMMA em 2002; Qualificação Profissional para Oficiais, realizado na Universidade Estadual do Maranhão, em 2002; Curso de Aperfeiçoamento  de Oficiais e Pós  –   Graduação  em   Defesa Social e Cidadania, realizado no Instituto de Segurança Pública do Pará, em março de 2003.
de49bee8-6c6a-4a9f-b3f9-ddb133aeef53
Perguntado qual era o seu objetivo ao receber o convite para assumir o comando do batalhão acima citado, ele respondeu: “O nosso objetivo quando assumimos o comando do 1º BPM foi de implementar uma política de valorização e respeito aos policias e traçar estratégias de aproximação das comunidades sob nossa jurisdição, diminuindo assim os índices de criminalidade no Eixo Itaqui-Bacanga.”
 
Desafios
O 1ºBPM é responsável pelo policiamento da Área Sul da Região Metropolitana de São Luís, que corresponde a Área Itaqui-Bacanga, a mesma é formada por aproximadamente 59 comunidades, distribuídas da seguinte forma: 80% é composta de área de periferia e 20% de área industrial. Para o Tenente Coronel Edvaldo essas características específicas da região foram inicialmente um desafio para o desenvolvimento de estratégias de policiamento para atender as necessidades da região.
 
Principais Ações
·         Reestruturação dos planos de policiamento que visam o enfrentamento da criminalidade, como aumento das viaturas na área de atuação, adoção de estratégias de policiamento preventivo/ostensivo e a inclusão de Operações criadas pelo Comando da Corporação como “Busca Implacável” que visa diminuir os assaltos a coletivos;
·         Fortalecimento dos Grupamentos Táticos, como Serviço de Inteligência, GTM e Equipe Falcão;
·         Ampliação da ROESP (Ronda Escolar Preventiva) e criação do programa de palestras sobre combate às drogas e violência nas escolas, ministradas por policias do 1º BPM;
·         Intensificação das abordagens realizadas pelas viaturas de área e no Terminal da Ponta da Espera, que culminou com a apreensão de mais de 6 kg de cocaína no último dia 02 de setembro pela guarnição de serviço no Ferry-boat.  
 
Mudança da Sede do Batalhão
O 1º BPM atualmente encontra-se localizado no bairro Outeiro da Cruz e graças à parceria entre Governo do Estado, Universidade Federal do Maranhão (UFMA), Secretaria de Segurança Pública e Comandando da PMMA o mesmo será instalado na Área Itaqui-Bacanga, no prédio da antiga SAISP (Supervisão de Áreas Integradas de Segurança Pública) situado na UFMA. O Tenente Coronel Edvaldo destacou que tal mudança será importante pois irá melhorar no planejamento estratégico das ações do Batalhão, visto que no momento da passagem de serviço a área não ficará mais sem policiamento que implicará na diminuição do tempo resposta das ocorrências, além de proporcionar o conhecimento mais específico da realidade local.
 
Convênios
No curto período a frente do comando do Batalhão, o Tenente Coronel Edvaldo firmou parceria com a Empresa VALE e UFMA, duas das mais maiores Instituições que estão localizadas na jurisdição do 1º BPM.
·        
VALE
Em reconhecimento aos bons serviços prestados pelo Batalhão, gestores da VALE se reuniram com o comando do 1º BPM para traçar estratégias de segurança preventiva.  No dia 2 de Setembro a referida empresa promoveu uma Conferência sobre Segurança Empresarial, na oportunidade o Tenente Coronel Edvaldo foi convidado a ministrar uma palestra sobre o tema e em seguida foi homenageado pela companhia.
·        
UFMA
Com o objetivo de proporcionar um ambiente seguro a comunidade acadêmica da UFMA e as comunidades localizadas no entorno da mesma, o comandante do 1º BPM juntamente com a Reitoria da Universidade desenvolveram a Operação “UFMA Segura”.  Sobre essa Operação, o Tenente Coronel Edvaldo ratificou: “absorvemos as necessidades da Universidade, buscando a aplicação e organização do policiamento na UFMA em relação as últimas situações ocorridas na região, observamos também a necessidade da adaptação e estudo que deve existir para não causar impactos na mesma. Os policiais serão escolhidos de forma especial para que os alunos não fiquem exaltados diante do policiamento que será realizado.”
O referido Comandante ressaltou ainda que a UFMA é um âmbito de educação e respeito, então precisa de uma atenção redobrada para que não aconteça mais situações desagradáveis.
 
Resultados
A comprovação da gestão eficiente do Tenente Coronel Edvaldo materializa-se nos resultados obtidos pelo Batalhão nos últimos meses. Nesse período foram apreendidas 15 armas de fogo, 85 armas branca, 6,5kg de cocaína, 215 papelotes de maconha, 107 pedras de crack, 305 petecas de crack e 7 gramas de maconha, 45 frascos de Loló e foram realizadas mais de 5 mil abordagens, entre pessoas, estabelecimentos comerciais, coletivos, carros particulares, condutores de motos e bicicletas por policias do 1º BPM.
 
Palavras de Agradecimento
O Tenente Coronel Edvaldo encerrou a sua entrevista agradecendo o apoio destinado a ele nesse período a frente do 1º Batalhão, ele disse: “agradeço a confiança a mim conferida pelo Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela e pelo Alto Comando da Corporação, na pessoa do Comandante Geral, Coronel Pereira e do Subcomandante, Coronel Luongo, e também ao empenho e dedicação de todos os policias militares do 1º Batalhão, tanto da área operacional quanto na área administrativa, que possibilitou o alcance de resultados expressivos no início da minha gestão.”