Equipe Raio Bravo do 9° BPM apreende 02 armas de fogo em menos de 10 dias

A Ronda de Ação Intensiva e Ostensiva vem atuando em prisões e apreensões durante patrulhamentos intensificando ações de segurança nas suas áreas de atuação.

Na noite do último domingo (22), por volta das 23:00hs, A equipe Raio Bravo do 9°BPM conseguiu prender em flagrante delito o nacional, Graciel Barros de Oliveira, 31 anos, vulgo Padeiro. O mesmo foi preso pelo crime de porte ilegal de arma de fogo e tráfico de drogas, no bairro Fé em Deus, em São Luís.

Ao realizarem moto patrulhamento tático no Pac da Fé em Deus, a equipe avistou um elemento em atitude suspeita e, após revista pessoal, foi encontrada uma PT cal .40 em sua cintura com numeração suprimida e com dez munições, bem como uma certa quantidade de drogas e demais pertences, abaixo citados em seu bolso.

Diante dos fatos, foi lhe dada voz de prisão e, em seguida, conduzido ao Plantão Central das Cajazeiras, sem lesões corporais, para providências cabíveis.

A equipe Raio destacou ainda que o suspeito Graciel Oliveira tem várias passagens pela polícia sendo por Homicídio doloso na forma tentada; Porte ilegal de arma de fogo de uso permitido; e Tráfico de drogas. E que o mesmo é lider de uma facção criminosa que age no bairro Fé em Deus.

MATERIAIS APREENDIDOS:

01 (uma) pistola PT cal .40 com numeração suprimida;

01 (um) carregador com 10 (dez) munições, sendo 09 (nove) munições intactas e 01 (uma) munição batida;

17 (dezessete) trouxas de substância semelhante a cocaína;

01 (um) celular Samsung J2 de cor branca;

01 (um) isqueiro vermelho.

R$ 60,00 (sessenta reais).

Em menos de dez dias a equipe prendeu três suspeitos por porte ilegal de arma de fogo. Sendo eles: Aldemir Sousa Costa, Patrick Ramon Furtado Coelho ambos presos dia (13) com uma pistola cal.7,65, no Bairro de Fátima e Graciel Barros de Oliveira preso dia (22) com uma uma PT cal .40, preso na Fé em Deus.

O 9° BPM aumenta para 104 ( centro e quatro ) o número de armas de fogo retiradas de circulação na área da Unidade neste  ano de 2017.

 

Por Rose Silva – Ascom SSP