COMANDO DE POLICIAMENTO DE ÁREA METROPOLITANA II, REALIZA OPERAÇÃO RÉVEILLON 2018

Por: Jhanyfer Carvalhos/Ascom-SSP

O Comando de Policiamento da Área Metropolitana dois (CPAM II), comandada pelo Coronel Aritanã realizou durante as festividades de ano novo no domingo (31), até a noite de segunda-feira (01), a Operação Réveillon 2018, onde contou com o efetivo de 902 policiais, que foram distribuídos nas três grandes áreas que abrange o CPAM II, no intuito de precaver e garantir a segurança dos cidadãos durante a virada do ano.

As áreas foram divididas de acordo com os batalhões, o 6º Batalhão que é comando pelo Major Marcelo ficou responsável pelos bairros do João de Deus até a Cidade Olímpica; o 13º BPM que compreende todos os bairros do Município de São José de Ribamar, comandado pelo Coronel Alexandre e o 22º BPM área da Raposa e Paço do Lumiar, que é comandado pelo Tenente-coronel Renato.

Com pouca movimentação em relação as áreas praianas, o policiamento foi voltado para os bairros, onde foram dobrados os números de viaturas, foram colocadas também viaturas nos terminais e reforços nos hospitais da área como a Upa, Socorrão II e o Hospital do Servidor.

Foi também utilizada uma van onde policiais realizaram abordagem em locais com grande concentração de pessoas, como bares e estabelecimentos comerciais. O grupo tático móvel (GTM) percorreu toda a área executando barreiras, e realizando vistoria em possíveis pontos de drogas.

Na região do 13°BPM que fica localizado no município de São José de Ribamar, por se tratar de uma área de orla, onde teve uma grande aglomeração de pessoas foram dispostos policiais a pé, com motociclos e o policiamento também contou com o apoio de viaturas de outros batalhões como o Choque e a Rotam.

Segundo o Coronel Aritanã: “Nós comandantes, acompanhamos pessoalmente o desdobramento desse policiamento nas ruas, reforçando o policiamento para que dessa forma pudéssemos garantir uma entrada de ano novo seguro para essas famílias. E com relação aos índices de atos criminais, foi possível perceber que foram bem menores com relação aos anos anteriores, em razão de uma maior quantidade de policiais nas ruas para assim garantir a segurança do cidadão em suas comemorações. ”

 

Este slideshow necessita de JavaScript.