110 assaltantes a residência presos em 2017: Esse é o quantitativo de prisões executadas pela Polícia Civil em São Luís

Com ações estratégicas e o desenvolvimento de trabalhos preventivos e Investigativos, a Polícia Civil do Maranhão, por intermédio da Delegacia de Roubos e Furtos (DRF), vem colhendo excelentes frutos quando se trata no combate ao crime de assaltos a residências em toda a região metropolitana de São Luís. Dados fornecidos pela DRF apontam um grande avanço nas operações realizadas por equipes coordenadas pelos delegados Marconi Caldas e Tiago Dantas.

De janeiro a setembro deste ano, as operações coordenadas pela delegacia especializada, resultaram na prisão de 110 pessoas suspeitas de participar de tal modalidade criminosa, sendo destas, 54 prisões em flagrantes e 56 cumprimentos de mandado de prisão preventiva, uma média de 12 prisões por mês.  Além disso, os números de assaltos foram reduzidos em cerca 37% no primeiro semestre em comparação ao mesmo período de 2016, em números, foram 373 casos neste ano, contra 595 no ano anterior.

Tais números, foram conquistados pelas forças segurança, que intensificaram os trabalhos de investigações e ações nas ruas da capital que resultou na redução da criminalidade. A própria DRF desenvolveu um trabalho de mapeamento no intuito de localizar as regiões com maior incidência, com destaque para o bairro do Araçagy.

Outro fato importante a se destacar, é o trabalho de patrulhamento feito pela Polícia Militar e no desenvolvimento de rondas permanentes que tem inibido tais crimes. A pasta da segurança ainda conta com as denúncias feitas pela sociedade que podem ser realizadas na sede da delegacia que fica localizada na Rua Nossa Senhora da Vitória, bairro da Vila Palmeira, atrás do DETRAN e pelos números do disque denúncia (98) 3223 5800 e o 190.

 

Anselmo Oliveira – ASCOM/SSP