SSP-MA recebe integrantes do Instituto Igarapé, visando na integração com a temática Segurança Pública, baseada nas evidências científicas a nível nacional

SSP-Ascom

A Secretaria de Segurança Pública do Maranhão recebeu na tarde desta quinta-feira (03), por volta das 15hs, os representantes do Instituto Igarapé. O qual desenvolve a integração das agendas da segurança e justiça, onde propõe soluções e desafios sociais por meio de pesquisas, novas tecnologias, influenciando em políticas públicas e articulação. Presentes no encontro, o Secretário de Segurança Pública, Jefferson Portela, o Delegado Geral Leonardo Diniz, a Comandante Coronel Augusta Andrade; a Diretora de Programas do Instituto Igarapé, Melina Risso, a Assessora de Comunicação e Pesquisadora, Dandara Tinoco, e demais policiais civis, militares, peritos e demais autoridades que integram a pasta da Secretaria de Segurança Pública.

O encontro de autoridades e integrantes do Instituto Igarapé ocorreu na Secretaria de Segurança Pública do Maranhão, ocorreu por toda a tarde, no qual foram ressaltadas várias ideias inovadoras e alguns desafios sociais complexos, ambos acerca dos objetivos propostos. As explanações foram realizadas pelos diretores e ou responsáveis pelos diversos departamentos, os quais compõem a segurança pública. Na oportunidade, cada representante abordou os avanços alcançados na gestão, desde de 2015. O Instituto Igarapé atualmente localizado no Rio de Janeiro, com atuação transcendendo fronteiras regionais e nacionais. Trata-se de uma instituição independente e sem fins lucrativos. A palavra Igarapé, em Tupi, significa “caminho da canoa”. Os Igarapés são pequenos rios ou canais, muito comuns na Amazônia, essenciais para a comunicação entre os povos e responsáveis por conectar grandes rios. A instituição trabalha com cinco macrotemas, entre eles, a Política sobre Drogas Nacional e Global; Segurança Cidadã; consolidação da paz; Cidades Seguras e ainda, segurança cibernética. O instituto está conectada também, a um amplo ecossistema de organizações e agências do Brasil e do mundo.

A tecnologia sendo usada para melhorar a vida das pessoas

Segundo a Diretora de Programas do Instituto Igarapé, Melina Risso, o “Instituto Igarapé é um Think And do Tank, independente, dedicado à integração das agendas com a temática segurança pública, justiça e do desenvolvimento. Ele está preocupado em influenciar as políticas públicas e políticas públicas que funcione, que seja baseada nas melhores evidências científicas sobre o que de fato pode transformar a vida das pessoas. Nos preocupamos muito com problemas complexos que afetam os seres humanos, sempre pensando essa lógica da segurança. Contamos com programas nas áreas de Segurança pública, na área de Segurança cibernética, Migração… Pensamos em como a tecnologia pode melhorar na vida das pessoas. Trabalhamos muito construindo essas pontes em diversos setores, como o Poder Público, Sociedade Civil e Iniciativa Privada”.

A Diretora de Programas do Instituto Igarapé relatou ainda, que o nosso objetivo é “Propor soluções inovadoras à desafios sociais complexos, e isto, por meio de pesquisas, novas tecnologias, influência em políticas públicas e articulação. A troca de experiência a qual fizemos aqui no Maranhão neste encontro com a Secretaria de segurança, conhecendo os avanços, do que o estado do Maranhão vem alcançando e como vem alcançando na transformação da sua realidade e podendo conectar com outras realidades, é um ganho. O Instituto Igarapé realiza essas trocas, e ajuda a disseminar em outros locais. O nosso encontro com o Secretário de Segurança Jefferson Portela e toda a sua equipem foi muito produtiva. Estaremos das visibilidade das ações que são feitas aqui, para outros locais. Mostraremos para o mundo, o que o Maranhão está fazendo, e por outro lado, ajudamos a trazer outras referências do que temos vistos em diferentes locais do mundo para o Maranhão. Somos uma instituição sem fins lucrativos, independente e apartidária”, pontuou Melina Risso.

Presente no encontro, o Secretário de segurança Pública Jefferson Portela destacou “A Diretora de Programas do Instituto Igarapé, Melina Risso, e a Assessora de Comunicação e Pesquisadora, Dandara Tinoco, as quais trabalham a nível nacional, com eixos temáticos. Como Segurança Cidadã, Políticas de Drogas, Segurança e Direitos Digitais, Cidades Seguras e Consolidação da Paz. O Instituto abre um relacionamento apresentando as suas produções sobre os sistemas, e colhem as iniciativas dos sistemas de segurança, com um trabalho permanente para a redução de violência de criatividade. Hoje aconteceu por meio da SSP, a Polícia Militar, a Polícia Civil, da Perícia Criminal, do Programa do Pacto pela Paz, e demais órgãos, onde foram apresentadas inovações de 2015 para 2019. Eles querem entender, como o Maranhão alcançou uma alta taxa na redução de homicídios. Exemplificamos que entre setembro de 2019 a setembro de 2014, houve uma redução de 72% no número de mortes na região metropolitana de São Luís. Querem entender os avanços na área de tecnologia, para a Perícia Criminal. Na importância do combate à corrupção para equilibrar a vida social, com a aplicação devida dos recursos públicos. Outro avanço foi na criação da Superintendência de Narcóticos, onde foi determinante a apreensão de drogas, antes da distribuição em massa. Demonstramos com os dados, do que fora feito de 2015 até hoje, na gestão do Governador Flávio Dino, no governo do estado. Considero este encontro altamente positivo, com as informações dos eixos temáticos para nos ajudar de forma geral”, pontuou o Secretário de Segurança, Jefferson Portela.