Polícia Civil do Maranhão prende suspeito de tentativa de feminicídio que estava foragido no Ceará

A Polícia Civil do Maranhão por intermédio da Superintendência Estadual de Homicídios e de Proteção à Pessoa (SHPP), apresentou na ultima quarta-feira (21) Gutemberg Matos Bezerra, suspeito de uma tentativa de feminicídio contra sua ex companheira no último mês de fevereiro na cidade de Paço de Lumiar, região metropolitana de São Luís.

Entenda o caso

No dia 23 de fevereiro do corrente ano, a vítima identificada por Girlene Silva Araújo, de 37 anos que sofreu cerca de 18 perfurações de arma branca. A mulher foi amparada por vizinhos que escutaram gritos de socorro vindos de sua residência localizada no bairro do Maiobão, em Paço do Lumiar. O suspeito foi visto saindo do local do crime logo após o ato criminoso.

O casal estava separado há mais de dois anos, e de acordo com as autoridades policiais a motivação do crime seria o término do relacionamento não aceito por Gutemberg.

Logo após o crime, o suspeito teria se refugiado temporariamente em uma residência de familiares no bairro do João Paulo, posteriormente embarcou por meio de uma excursão turística para a cidade de Fortaleza, tendo o destino final, Ubajara à 304 km de Fortaleza.

Toda a ação que resultou na prisão foi coordenada pela delegada Viviane Azambuja do Departamento de Feminicídio do Maranhão, informando que denúncias anônimas relataram que Gutemberg teria fugido para o estado do Ceará, onde segundo as investigações, o mesmo continha familiares.

Ainda de acordo com delegada o ato foi todo premeditado, pois o mesmo confessou o crime. Será marcado para os próximos dias o interrogatório de Gutemberg, mas o mesmo já foi autuado por feminicídio na forma tentada, ficando preso no Complexo Penitenciário de Pedrinhas.