Via Sacra tem policiamento reforçado na  37ª edição do evento no Anjo da Guarda

“Nunca tinha visto tantos policiais assim, estou me sentindo bastante seguro com esse policiamento” disse o aposentado  José Ribamar, 68 anos, morador do Centro. Ele presenciava a 37ª edição do espetáculo Via Sacra juntamente com sua família. O evento aconteceu na quinta-feira, (29), e sexta-feira (30), no bairro do Anjo da Guarda, em São Luís, e é realizado pelo Grupo Independente de Teatro Amador (GRITA).

O plano de operação da Polícia Militar para a Via Sacra 2018 foi acompanhado pelo comandante do Comando de Policiamento de Área Metropolitana (CPAM-III), coronel Edvaldo Mesquita, e pelo major André, comandante do 1° Batalhão da Polícia Militar, responsável pelo policiamento da área. Mais de 300 policiais garantiram a segurança do evento.

A ação contou com efetivo de todas as unidades operacionais da capital, além do apoio das viaturas do BPChoque, Rotam, Cavalaria, Batalhão Tiradentes, Patrulha Maria da Penha e CTA que estavam posicionadas em pontos estratégicos. O comandante geral da PMMA, coronel Jorge Luongo, explicou que o objetivo da operação é garantir a ordem e a tranquilidade ao público em geral, executando o policiamento ostensivo a pé, motorizado, montado e por meio de blitzen desencadeadas em todas as áreas de realização do espetáculo e no seu entorno.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Durante a ação os policiais efetuaram “barreiras de abordagens” e “revista pessoal” nos principais pontos de acesso ao local do evento, evitando assim entrada de delinquentes portando arma de fogo, arma branca, drogas ou qualquer outro material, objeto ou substância que pudesse ser utilizado para cometimento de crimes. Outra ferramenta utilizada pela PM no evento foi o policiamento de motocicletas que garantiu a segurança nos arredores da realização da via sacra.

A PM realizou também barreiras de contenção nos dois sentidos da BR-135, via de acesso ao bairro do Anjo da Guarda, com objetivo de garantir um trânsito seguro, com o trabalho de fiscalização e orientação, evitando acidentes e desrespeito às normas de trânsito.