Polícia Militar prende acusado de feminicídio em Bom Lugar-MA

ASCOM-SSP

A Polícia Militar de Bom Lugar-MA, por meio da CPI/CPAI-1 do 39° BPM, prendeu um acusado pelo crime de feminicídio cometido na cidade. A vítima teria sido a sua sogra, identificada por Maria Gorete Alves da Silva, 57 anos. O crime aconteceu nesta-sexta-feira (11), por volta das 21:30hs. A motivação do crime fora por conta da separação dele com a filha da vítima. As ações pela prisão do acusado foram coordenadas pelo Comandante, Ten. Cel. Duarte, o Sgt. Ericeira, Sd Ênio, Sd Dantas, Cb Gracílio, Sd Márcio e Sd Felipe.

As informações dão conta, que por volta das 8hs do dia 12/06/2021 fomos informados, via celular, que no Morro do Macaco, zona urbana da cidade de Bom Lugar, teria acontecido um feminicídio a golpes de pauladas. Prontamente nos deslocamos de imediato até o local e lá constatamos a veracidade do fato, neste ínterim entramos em contato com a Delegacia Regional de Bacabal, na pessoa do Delegado Oseias, relatando o ocorrido. Em seguida a GU começou a colher informações sobre o paradeiro do suspeito, onde chegaram diversos relatos de povoados que ele tinha passado (povoados: Santiago, Santo dos Patrícios e Salgadinho). Realizamos diligências nestes locais no intuito de capturá-lo, mas não logramos êxito.

Na manhã de sábado (12), chegaram informações que o teriam visto nos povoados Bomba e Livramentos, prontamente a GU de forma ininterrupta continuou fazendo diligências nestes locais, mas sem sucesso. Já às 21:10h chegou uma informação via whattsap, dando conta que o acusado teria voltado para a cidade de Bom lugar e estaria em uma residência no Bairro Novo. Fizemos o deslocando ao endereço fornecido e ao chegarmos lá constatamos a veracidade da informação. Demos voz de prisão ao conduzido e este confessou a autoria do ilícito penal.

PROVIDÊNCIAS TOMADAS

Foi dado voz de prisão ao conduzido e o apresentamos na Delegacia Regional de Bacabal para as devidas providências. Fora repassado, que a filha da vítima teria se separado do acusado. A sogra teria ido na casa para buscar as roupas da filha. Houve um desentendimento, culminando no acusado matando a vítima a pauladas. A motivação do crime fora por conta da separação dele com a filha da vítima.