Polícia Militar em ação rápida evita assalto e dois criminosos não resistem aos ferimentos

Uma ação rápida realizada pela Polícia Militar do Maranhão, impediu cinco criminosos de realizarem assaltos na região metropolitana de São Luís. Os cinco indivíduos, ainda não identificados, iniciaram um assalto nas imediações do bairro do Maracanã, mas foram interceptados por policiais militares, reagiram com disparos contra os policiais, mas foram alvejados. Dentre os criminosos, 04 foram baleados, sendo que ao serem encaminhado para o atendimento de emergência, outros dois foram não resistiram aos ferimentos e morreram.

A ação criminosa aconteceu na madrugada desta sexta-feira (25), nas proximidades da Avenida Principal do bairro do Maracanã, por volta das 04hs. O grupo formado por cinco homens, abordaram uma vítima no bairro da Ribeira, onde abordaram uma vítima, à qual possuía um veículo Fiat Uno, de cor vermelha, pertencente à uma locadora. O grupo armado com armas de fogo, o renderam e levaram o veículo, onde posteriormente realizaram diversos assaltos no bairro da Ribeira. Em prosseguimento, eles assaltaram também a um coletivo urbano.

O Centro Integrado de Operações de Segurança (Ciops), fora informado das ações criminosas e repassou para viaturas que atuam nas proximidades, onde após rondas, localizaram os assaltantes.

Resistência às ações da polícia
Os acusados foram interceptados, mas resistiram realizaram disparos contra os policiais militares, houve uma reação contra os mesmos pelos policiais, os quais obtiveram sucesso. Os policiais apreenderam com o grupo, 02 armas de fogo. Fora confirmado na sequência, que quatro dos criminosos foram alvejados e posteriormente, conduzidos para um hospital de emergência, o Hospital D’Jalma Marques, o Socorrão I. Dentre os alvejados, 02 não resistiram aos ferimentos e vieram à óbito.

Os acusados, os quais vieram à óbito foram identificados por: Weleson Nascimento Dias, 18 anos; e outro ainda desconhecido, sendo do sexo masculino, com 27 anos. Encaminhados ao Hospital Socorrão II.
Foi hospitalizado em estado grave, o acusado Carlos Daniel de Jesus Rocha, com 19; Thiago Sousa Viera, 21 anos, este atingido com um disparo na perna.
As informações dão conta ainda, que o veículo e as armas de fogo foram encaminhados para o 12º DP, localizado no bairro do Maracanã, onde o inquérito dará prosseguimento.

Fora apreendido com o grupo, um revólver calibre 32; de marca não identificada, uma arma de fabricação caseira de dois canos, de calibre 38, de marca e numeração não identificada. Uma munição calibre 38 deflagrada, uma munição de calibre 32, intacta. Um celular da marca Samsung, dourado. Um celular da marca nókia, de cor prata; um celular modelo Lenovo, de cor prata; um celular samsung de cor branca; um celular Lg de cor branca; um celular Asus de cor preta; uma carteira porta cédula; um relógio da marca oriente, de cor prata; dois documentos de identidade.

 

ASCOM/SSP