OPERAÇÃO DO GAECO E POLICIA CIVIL DO MARANHÃO PRENDE ACUSADOS DE ORGANIZAÇÃO CRIMINOSA NO ESTADO

Por Carla Andrade / Ascom – SSP

A Policia  Civil do Maranhão, através da Superintendência de Prevenção e Combate à Corrupção (SECCOR), e com apoio da Policia Civil de Goiás cumpriu mandado de busca, apreensão e de prisão preventiva na manhã desta terça feira (16), contra Paulo Henrique Costa Carrijo, Missias Francelino da Silva e Wemerson Miguel da Silva e existem prisões decretadas em desfavor de Nelton Carrijo Gomes, e José Gomes de Fátima Júnior. Esta é a segunda etapa da Operação Paraiso Fiscal, uma investigação conjunta da Policia Civil do Maranhão e o Gaeco, do Ministério Público do Maranhão.

A operação constatou a existência de uma organização criminosa com sede em Goiás e atuação no Maranhão, que por meio de empresas de fachada e da emissão de notas frias, se utiliza de benefícios fiscais indevidos, tendo o Estado do Maranhão deixado de arrecadar mais de vinte e seis milhões de reais.