Suspeitos de assalto a coletivos na capital são presos pela Polícia Civil

Durante uma força tarefa realizada na manhã na última terça-feira (26) pela Polícia Civil, por meio da Delegacia Roubos e Furtos (DRF), prendeu Weliton Moraes Souza Júnior, vulgo “Cangote” e ainda dando cumprimento ao mandado de prisão em desfavor de Karlson Eduardo da Silva Guimarães, vulgo “Guará”, ambos suspeitos pelo crime de roubo a coletivos em São Luís.

Segundo as primeiras informações repassadas pelo delegado Cláudio Mendes, no caso de Weliton, a Polícia Civil efetuou sua prisão, após cinco vítimas do suspeito o reconhecer como autor do assalto a um coletivo ocorrido em setembro do ano passado.

Já na tarde de terça-feira (26), dando continuidades as diligências, a polícia diante de um cumprimento de mandado de prisão a Karlson, conhecido como “Guará”, pela prática de crime de roubo a um coletivo em outubro de 2015. Ainda de acordo com delegado Cláudio Mendes, o suspeito atualmente se encontra preso no Complexo Penitenciário de Pedrinhas em decorrência do crime de tráfico de Drogas.

Tendo ciência do caso dos suspeitos, os mesmos foram apresentados na Delegacia de Roubos e Furtos, na capital, onde foi avaliado a situação de cada um dos suspeitos, ambos ficaram à disposição da justiça. Vale destacar que prisão dos suspeitos é fruto da parceria entre as Polícias Civil e Militar.

 

Anselmo Oliveira/ASCOM SSP